O resultado perfeito

Muitos empresários, empreendedores ou profissionais, buscam – ou pelo menos deveriam – conquistar o resultado perfeito, que nada mais é do que aquilo que desejam, no momento em que desejaram.

Até aí, nada de errado! Afinal, é possível conquistarmos nossos objetivos da forma e no momento das quais pretendemos, no entanto, isto depende de uma série de fatores, iniciando pelo que eu chamo de “Personal Operation”, ou em sua tradução livre “Operação Pessoal”.

O Personal Operation é a soma do Modo de Pensar (MP), mais o Modo de Agir (MA) que resultará no Resultado Operacional (RO). Ou seja, MP + MA = RO.

Entendendo cada um deles

O MP, ou Modo de Pensar, como o próprio nome sugere, é a maneira como você pensa, como enxerga o mundo, as pessoas, os negócios, e principalmente como você define os seus objetivos.

Este é o primeiro ponto a ser analisado, afinal, seja no mundo empresarial ou nos assuntos de cunho pessoal, tudo se inicia pela sua mente, pelos seus desejos, pelo seu pensar, que converterá todas estas informações em objetivos.

Já o MA, ou Modo de Agir, está relacionado com as suas atitudes e a maneira como você age, como você coloca em prática todas as suas decisões. Ou seja, é a ponte que liga aquilo que você deseja, com a realização destes desejos ou objetivos.

O RO, ou Resultado Operacional, nada mais é do que o resultado do seu Modo de Pensar com o seu Modo de Agir.

Ok! Mas o que isso muda em minha vida?

Tendo ciência, e absorvendo de forma plena esta informação, de que o seu resultado está diretamente ligado à soma do seu modo de pensar com o seu modo de agir, absolutamente tudo pode mudar em sua vida, tanto pessoal, quando profissional, pois você passa a ter o controle sobre como posicionar-se em relação à conquista de seus objetivos.

Muitos empreendedores pecam simplesmente pela falta de sincronia entre o seu modo de pensar e seu modo de agir, onde, quando não estão extremamente alinhados, implicará diretamente no possível fracasso de seu resultado operacional.

Neste sentido, podemos elencar 4 situações:

Modo de Pensar pequeno + Modo de Agir pequeno
Bem, apenas por uma questão de extrema sorte, este resultado operacional poderá ser diferente de ser pequeno. Não que isso seja errado, afinal, existem pessoas e profissionais que não desejam ir tão longe. Mas já pensou como seria nossas vidas se no passado não existissem pessoas que que não tivesse desejado ir tão longe? Talvez eu estivesse escrevendo tudo isto em um papel, e não em um notebook…

Modo de Pensar grande + Modo de Agir pequeno
Nesta situação, o empreendedor pensando de forma grandiosa, no entanto, agindo de maneira pequena, certamente não terá o Resultado Operacional esperado, pois sua execução não foi condizente com os seus objetivos, inviabilizando o seu alcance.

Seria como querer dirigir do Rio Grande do Sul até o Amapá, mas adquirir um carro caindo aos pedaços e com algumas centenas de reais no bolso para fazer a viagem… Provavelmente não chegará sequer a sair do estado…

Modo de Pensar pequeno + Modo de Agir grande
Já nesta situação, o Resultado Operacional dificilmente será grande, pois, embora haja uma grandiosa execução, ou seja, agir de maneira perfeita, o Modo de Pensar pequeno impossibilitará que o empreendedor chegar mais longe, se tornando, na realidade, um imenso desperdício de esforço, e quem sabe até de dinheiro.

Seria como querer fazer uma viagem, e adquirir uma bela caminhonete do ano e separar alguns milhares de reais para o trajeto, no entanto, a viagem ser para alguma cidade vizinha… Ou seja, uma execução perfeita para um objetivo pequeno, resultando em um imenso desperdício financeiro, pois para este objetivo, com bem menos recursos poderia ser realizado…

Modo de Pensar grande + Modo de Agir grande
Com esta combinação, a probabilidade do Resultado Operacional ser grande, é muito alto, afinal, esta é a união de um grande objetivo com uma execução grandiosa. No entanto, ao passo em que o resultado pode ser grandioso, também existe a possibilidade de ser um fracasso, e de ocorrer um enorme desperdício financeiro. Ou seja, este cenário ainda não lhe garante o resultado perfeito.

Mas afinal de contas, como consigo o resultado perfeito?

Ao longo de nossa história, muitos são os casos de projetos grandiosos, com execução grandiosa, mas que deram errado. É o caso, por exemplo, quando a Philco trouxe para o Brasil a TV com videocassete embutido, na década de 90.

Nos anos anteriores, através de marcas como a Panasonic, o produto foi sucesso de vendas nos Estados Unidos, no entanto, em terra tupiniquim, o produto foi um verdadeiro fracasso, pois não foram levadas em consideração as diferenças entre os países, principalmente as econômicas, já que o produto 2 em 1 custava mais caro do que comprar uma TV e um vídeo cassete separadamente.

Ou seja, embora tanto o Modo de Pensar, quanto o Modo de Agir, fossem grandes, devido à falta de planejamento, o Resultado Operacional não foi o esperado. Aliás, foi um fracasso!

Nem grande, nem pequeno, e sim, planejado!

A regra de ouro para um resultado perfeito não é o tamanho do seu modo de pensar ou agir, mas sim, pensar da maneira certa (definir o objetivo ideal), e posteriormente, agir de maneira condizente com aquilo que se busca.

Voltando ao exemplos anteriores, se o objetivo é viajar do Rio Grande do Sul ao Amapá, será necessário X recurso e X tempo. Já para uma viagem a uma cidade vizinha, tanto o recurso quanto o tempo necessário, serão outros.

O planejamento é essencial para a busca do resultado perfeito, pois ele atuará em 3 esferas principais:

1) Objetivo

Aquilo que você está almejando é viável? Alcançável? Em quanto tempo você acredita ser necessário para chegar até o seu objetivo?

Perguntas como estas são vitais para a definição de um objetivo realizável, pois de nada adianta definir objetivos das quais não serão possíveis serem alcançados. Isso só trará frustrações.

2) Analises

Para alcançar os objetivos desejados, o que você precisa melhorar em você ou em seu negócio? Quais falhas precisam ser corrigidas? Quais pontos fortes precisam ser mais explorados? De quais ameaças é preciso se prevenir? Quais são as oportunidades que podem ser aproveitadas?

Esta é a análise SWOT, ferramenta essencial para a construção de planejamento. Eu já falei sobre esta ferramenta em outra postagem, clique aqui para ler.

3) Definições das ações

Após definição de um ou mais objetivos alcançáveis, e realizada as devidas análises (SWOT), é hora de definir tudo o que será preciso realizar para alcançar os objetivos definidos, ou seja, é o momento de criar o que chamo de caminhos estratégicos (ações) para transformar as fraquezas em forças, fortalecer e direcionar as forças já existentes, se prevenir das possíveis ameaças e aproveitar as oportunidades. Tudo isso alinhado com a conquista dos objetivos definidos.

Importante: Cada ação definida precisa ter um prazo final para conclusão, pois em muitos casos, uma ação depende da finalização de outra para que seja iniciada, além do mais, lembre-se que seu objetivo tem um prazo final para ser alcançado.

4) Aplicação e Monitoramento

A partir do momento que seu planejamento já está montado, e todas as ações e seus devidos prazos já estão definidos, é hora de por a mão na massa e colocar em prática tudo que precisa ser realizado para que os objetivos sejam alcançados.

Além do mais, é preciso estabelecer um monitoramento das ações, bem como um período para avaliação global desta implementação, no intuito de analisar se as ações estão sendo executadas da maneira correta e se os prazos estão de acordo com os estabelecidos.

Desta forma, caso algo não esteja de acordo com o defino, seja em relação às ações ou aos prazos, será possível à aplicação das medidas cabíveis para os respectivos ajustes, sem que haja interferência no prazo final ou nos objetivos definidos.

Preciso de um planejamento, onde consigo um?

Atualmente existem diversas ferramentas disponíveis no mercado para a realização de um planejamento, inclusive, já escrevi sobre algumas delas, como por exemplo:

• Matriz SWOT
• PDCA
• BMG
• 5 FORÇAS DE PORTER

Mas ainda existem pelo menos outras 12 ferramentas que conheço disponíveis para a realização de um planejamento.

No entanto, cada ferramenta trabalha em áreas específicas, onde, para potencializar ainda mais o resultado perfeito, é necessário que seja feita a combinação de algumas destas ferramentas.

Em meu trabalho de consultoria, ao longo de todos estes anos de mercado, onde atuo desde 2004, cheguei ao meu resultado perfeito, onde montei o meu próprio “combo” de ferramentas, dando origem à uma metodologia própria de trabalho da qual venho aplicando desde 2013 e tem dado resultados extraordinários. Mas devido à amplitude de ferramentas existentes, você pode montar o seu próprio combo para chegar ao seu resultado perfeito, basta seguir as premissas citadas anteriormente.

Conclusão

Um resultado perfeito não está diretamente ligado ao “tamanho” de seu modo de pensar ou agir, mas sim, na proporção e no alinhamento entre eles, caso contrário, a probabilidade dos resultados não serem o esperado – ou na pior das hipóteses, um fracasso – é grande.

Um resultado perfeito depende, de maneira incontestável, de um planejamento prévio, pois somente deste modo será possível que todas as esferas do pensar e do agir estejam alinhadas entre si.

O sucesso não é simplesmente uma questão de sorte ou azar, é um processo de preparação e planejamento.

Estrategista de negócios, gestor comercial e de marketing com mais de 15 anos de experiência de mercado, e com passagens e projetos por grandes empresas do mercado nacional. Um dos únicos consultores estratégico do Brasil especializado em empresas de moda e confecção, autor dos livros "Arrase em Vendas: Como montar uma estrutura de venda lucrativa para o seu negócio" e "O guia prático e completo para a criação de incríveis campanhas de moda ". Colunista em dezenas portais de negócio e marketing do país, e autor do livros "Arrase em Vendas." e "O guia prático e completo para a criação de incríveis campanhas de moda", e co-autor do livro "O manual da contratação perfeita.".

2 comments Add yours

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *