Vamos falar sobre o PDCA

O PDCA é utilizado largamente e com sucesso nas empresas para o aumento do controle da qualidade de seus processos.Tem por objetivo controlar atividades e pode ser utilizado para o planejamento e monitoramento da qualidade dos processos de uma organização, pontos fundamentais e vitais para a sucesso de qualquer empresa.

1º passo: PLAN (Planejar)
O primeiro passo para a aplicação do PDCA é o estabelecimento de um plano, ou um planejamento que deverá ser estabelecido com base nas diretrizes ou políticas da empresa e onde devem ser consideradas três fases importantes:

a)      Definição dos objetivos
b)      Definição dos caminhos a serem traçados
c)       Definição do método que será utilizado

A boa elaboração do plano evita falhas e perdas de tempo desnecessárias nas próximas fases do ciclo, portanto, para um bom aproveitamento desta etapa do PDCA, é importante levar em consideração a realização de alguns procedimentos:

• Estudar o processo atual;
• Coletar dados para identificar problemas;
• Analisar os dados;
• Desenvolver um plano de melhorias;
• Especificar as métricas para analisar os planos;

2º passo: DO (Agir)
O segundo passo do PDCA é a execução do plano, é por em pratica todas as definições da etapa anterior e a coleta de dados para posterior análise:

• Implementação do plano;
• Definição dos responsáveis e prazos;
• Documentação das mudanças;
• Coleta sistemática de dados para avaliação

As ações devem ter responsáveis definidos e prazos aceitáveis, para que as coisas não sejam feitas de forma atabalhoada e nem caiam no esquecimento.

3º passo: CHECK (Analisar)
O terceiro passo do PDCA é a análise ou verificação dos resultados alcançados e dados coletados, visando mensurar se as ações tomadas foram eficazes e alcançaram o resultado esperado. Utilizando-se de ferramentas estatísticas, devemos ter um retrato fiel da situação anterior às ações e como o processo se comportou após as ações.
Nesta fase podem ser detectados erros ou falhas;

4º passo: ACT (Ação)
O último passo do PDCA é a realização das ações, ou seja,  é o momento de padronizar tudo aquilo que deu certo, para que a repetição se torne uma rotina. Elabore ou modifique instruções de trabalho, procedimentos e o que mais for necessário para que as ações que deram resultados sejam mantidas e o problema não volte a acontecer.

Para os resultados negativos, deve-se repetir, ou aplicar o ciclo PDCA novamente, para identificar o que não deu certo e implementar as ações corretivas necessárias.

 

Estrategista de negócios, gestor comercial e de marketing com mais de 15 anos de experiência de mercado, e com passagens e projetos por grandes empresas do mercado nacional. Um dos únicos consultores estratégico do Brasil especializado em empresas de moda e confecção, autor dos livros "Arrase em Vendas: Como montar uma estrutura de venda lucrativa para o seu negócio" e "O guia prático e completo para a criação de incríveis campanhas de moda ". Colunista em dezenas portais de negócio e marketing do país, e autor do livros "Arrase em Vendas." e "O guia prático e completo para a criação de incríveis campanhas de moda", e co-autor do livro "O manual da contratação perfeita.".

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *